quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Na linha de frente da oposição coiteense, qual a "patente" de Nego Jai no grupo dos vermelhos?

Vereador é referência na oposição (Foto: Ascom da Câmara)
Há aproximadamente um ano depois da posse do segundo mandato de Assis (PT) em Coité, cuja vitória aconteceu sobre o tricampeão Vertinho, o vereador Nego Jai (DEM), continua dando a cara para bater, tomando a dianteira do grupo dos vermelhos na câmara de vereadores.

José Jailmo Pereira Gomes, conhecido Nego Jai, está em seu quarto mandato, 2001-2004, 2009-2012, 2013-2016 e 2016 a 2019.

Na eleição de 2000, o ainda soldado Nego Jai, obteve 699 votos, sendo eleito pela primeira vez. Quatro anos depois não se reelegeu, entretanto manteve a base de votos com 696.

Em 2008, foram 1.397 pessoas que apostaram no mandato do edil, chegando pela segunda vez ao legislativo, tornando-se no segundo biênio da gestão o presidente da câmara, 2011-2012.

Pela primeira vez como opositor Nego Jai se elegeu em 2012, quando também aumentou a quantidade de votos para 1.468. O parlamentar teve um mandato de oposição ferrenha, chegando em alguns momentos a se exaltar em defesa da sua coalizão.

Na eleição de 2016, Jai teve uma queda em seu eleitorado, 1.187 votos. E ai vem a pergunta: o eleitoral chamado "Vermelhos" não se agradou do trabalho do vereador ou os caciques do grupo não abraçaram a causa do salgadense que continua de punhos firmes segurando a bandeira?

Sabemos que outros parlamentares tiveram o apoio necessário para chegar ou continuar na câmara, entretanto o "Negro" Jai mostra lealdade, mas não tem assento especial nas decisões do clã político.

O vereador tem dito que faz oposição pela justa razão, mas tem lado e defende com unhas e dentes o mandato do seu grupo político.

Conhecedor das leis, José Jaílmo Pereira Gomes já protagonizou ao lado de seus colegas grandes debates, enriquecendo as atividades do legislativo coiteense.